IMP
curso

Defensoras e Defensores dos Direitos à Cidadania (DDDC) – Parcerias com Universidades

Objetivo

Este curso tem como objetivo a promoção de mudanças na atitude dos cidadãos e cidadãs diante da questão da violência doméstica praticada contra a mulher.

Contexto

O programa de Formação de Defensoras e Defensores dos Direitos da Cidadania (DDDC) contribui com o poder público no que diz respeito às formas de criação de mecanismos técnico-pedagógicos para, conforme o art. 1º da Lei n. 11.340/2006, “coibir e prevenir a violência doméstica e familiar contra a mulher, nos termos do § 8º do art. 226 da Constituição Federal, da Convenção sobre a Eliminação de Todas as Formas de Violência contra a Mulher, da Convenção Interamericana para Prevenir, Punir e Erradicar a Violência contra a Mulher e de outros tratados internacionais ratificados pela República Federativa do Brasil”.

Papel social

Abordando temas como cidadania, direitos das mulheres, violência doméstica, saúde da mulher, Lei Maria da Penha e políticas públicas, o IMP busca implementar uma cultura de sensibilização, conscientização e ações de enfrentamento à violência doméstica por meio da capacitação de diversos públicos. Com isso, buscamos formar multiplicadores capazes de detectar situações de violação de direitos, especialmente no tema da violência contra a mulher.

O IMP realiza este curso desde 2010 em Recife (PE) e Fortaleza (CE), nas universidades, faculdades e em áreas de vulnerabilidade social. Além de formar mais de 900 pessoas, cerca de 4.500 já foram impactadas indiretamente. E esse número cresce a cada dia.

Público-Alvo

Estudantes universitários, educadores, população residente em áreas de vulnerabilidade social, lideranças comunitárias, entre outros.

Duração

60 horas

A Central de Atendimento à Mulher é um serviço criado para o combate à violência contra a mulher e oferece três tipos de atendimento: registros de denúncias, orientações para vítimas de violência e informações sobre leis e campanhas.

Não se cale, denuncie.